Manifestantes protestam no Espírito Santo — Foto: Milton Jorge/ Colônia de Pescadores/G1ES
A interdição da Estrada de Ferro Vitória a Minas (EFVM) por um grupo de manifestantes já causa transtornos a centenas de pessoas que usam diariamente o Trem de Passageiros. Por conta da interdição, nesta terça-feira (15), o trem circulará apenas nos dois sentidos entre Belo Horizonte e Governador Valadares, em Minas Gerais. O Trem de Passageiros não circulará no Espírito Santo. Para garantir a viagem das pessoas a bordo do Trem de Passageiros que seguiam em direção ao Espírito Santo, na segunda-feira, a Vale fez o baldeio em ônibus alugados pela empresa, atrasando a chegada ao destino final.

Passageiros com viagens marcadas para esta terça-feira para locais que não serão atendidos poderão reagendar o bilhete ou pedir o reembolso do valor investido na compra da passagem. Para isso, devem se dirigir, no prazo de até 30 dias, a qualquer uma das estações localizadas ao longo da Estrada de Ferro Vitória a Minas. Mais informações podem ser solicitadas por meio do Alô Ferrovias 0800 285 7000.

A Vale reforça que a paralisação de ferrovia é crime e coloca em risco a segurança de passageiros, empregados e terceiros.

Além de cerca de 2 mil passageiros diários, a EFVM é responsável pelo transporte de minério de ferro, combustíveis, grãos, aço entre outros produtos, todos de grande importância para a economia brasileira.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.