Policiais fazem a segurança da entrada do Compaj (Complexo Penitenciário Anísio Jobim), localizado em Manaus (AM), após massacre deixar 15 mortos no local - 27/05/2019 (Edmar Barros/AP)
O governo do Amazonas informou que foram encontrados, nesta segunda-feira (27), 42 detentos mortos.

De acordo com a secretaria estadual de Administração Penitenciária (Seap), as mortes ocorreram no Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat), no Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM 1), no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) e na Unidade Prisional do Puraquequara (UPP), todos localizados em Manaus (AM).

As mortes ocorrem um dia após 15 detentos do Compaj terem sido assassinados. Ao todo, o número de mortos no sistema prisional chega a 57.

*Com informações da Agência Brasil. Kariane Costa.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.