O prefeito de Marataízes, Robertino Batista (PDT), o "Tininho", foi flagrado no início da tarde desta quinta-feira (9), com arma, e conduzido à delegacia. A ação faz parte da "Operação Rubi", a mesma que prendeu a prefeita de Presidente Kennedy, Amanda Quinta. 
Na casa de Tininho, a equipe do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) encontrou quantidade de dinheiro não especificada e uma arma sem registro legal. Por conta da arma, ele foi conduzido à delegacia para prestar esclarecimentos, mas não ficou preso. Foi liberado após pagar fiança.

A prefeitura emitiu nota sobre o ocorrido. " Informamos que Prefeito recebeu em sua residência hoje (09/05/2019, às 6h00) a visita do GAECO visando cumprir um dos mandados de busca e apreensão. Que com relação ao objeto do mandado de busca não foi encontrado qualquer documento relacionada à linha de investigação, contudo o Prefeito acompanhou os investigadores à Delegacia para esclarecer a posse de arma na sua residência, bem como provar a origem lícita da quantia em espécie que guardava, sendo essa devidamente declarada em sua Declaração de Imposto de Renda".

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.