Contribuindo para recuperar a saúde e balanço do cabelo, a ozonioterapia é uma técnica de tratamento capilar realizada por meio da aplicação de oxigênio e ozônio, a fim de trazer grandes benefícios ao couro cabeludo e aos fios, alcançando resultado com apenas quatro sessões.
Após realizar uma diversidade de transformações e processos químicos capilares, esse tratamento é uma das opções que poderá restaurar os danos causados. A técnica proporciona crescimento, fortalecimento, volume, reconstrução, diminuição do frizz, eliminação das pontas duplas, brilho e maciez aos fios.
Segundo a Associação Brasileira de Ozonioterapia, o gás já era utilizado na Alemanha desde o século XIX com o objetivo de combater bactérias e germes na pele corporal. Hoje o tratamento oferece essa possibilidade de benefício para a estética capilar.
A especialista em alongamento capilar Mariana Plaster, conta que a principal vantagem do tratamento de ozonioterapia é a redução das bactérias presentes no couro cabelo. “As bactérias interrompem o processo de vida saudável dos fios e do couro do cabelo. É necessário agir diretamente e eliminar qualquer tipo de variação na formação e no crescimento dos fios“, explica.

A ozonioterapia se inicia com uma higienização e esfoliação no couro cabeludo e nos fios, utilizando produtos específicos de tratamento. Em seguida, o vapor é aplicado nos fios através do aparelho utilizado para o procedimento, ativando a circulação e qualidade dos cabelos. Quem possui o couro cabeludo sensível, com caspa ou qualquer irritação não precisa se preocupar, pois também pode realizar esse tratamento, já que não há contraindicações. 

No estudo de beleza de Mariana Plaster é possível realizar esse tipo de procedimento, que além de ser incluso no pacote de manutenção daquelas que possuem extensões, ela também oferece o tratamento para todas as demais clientes que não possuem alongamento capilar, mas que buscam os excfelentes resultados da ozonioterapia capilar. “Para que o procedimento conquiste o sucesso desejado, é indicado que o ozônio seja combinado com outros produtos de qualidade durante todo o tratamento.”, completa Mariana Plaster.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.
Topo