"Ao criticar o Brasil no Twitter e dar uma “indireta em Bolsonaro”, o presidente da França, Emmanuel Macron utilizou um retrato feito por Loren McIntyre, fotógrafo norteamericano que morreu em maio de 2003, e que trabalhou para revistas como a National Geographic. Macron postou uma foto da Amazônia em chamas, sendo que a imagem está à venda para fins comerciais neste banco de imagens da internet.

Presidente Jair Bolsonaro rebateu a crítica.

"O presidente da República, Jair Bolsonaro, rebateu no Twitter as críticas do par francês, Emannuel Macron. O presidente da França chegou a pedir uma reunião de emergência com o G7 para debater as queimadas na Amazônia, em postagem na rede social. Para Bolsonaro, Macron se aproveita da polêmica para “instrumentalizar uma questão interna do Brasil e de outros países amazônicos para ganhos políticos pessoais”.

Bolsonaro ainda comenta a “foto falsa da Amazônia" em chamas utilizada pelo mandatário da França na postagem, afirma que o governo brasileiro segue ao diálogo, mas pondera: “A sugestão do presidente francês, de que assuntos amazônicos sejam discutidos no G7 sem a participação dos países da região, evoca mentalidade colonialista descabida no século XXI”.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.
Topo