Foto: Helio Filho/Secom
O Governo do Estado, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-ES), deu Ordem de Serviço para início das obras de recuperação e proteção das estruturas do Viaduto do Príncipe, que se estende de Vila Velha à alça de acesso à BR-262 e liga o trecho à Segunda Ponte. O investimento será de R$ 6,3 milhões e o prazo de execução é de 300 dias.

"Estamos dando Ordem de Serviço da recuperação da Segunda Ponte na parte que cabe ao Estado. Uma parte que, quando chegamos ao Governo em janeiro, já existia a necessidade de reforma. Também já foi dada a Ordem de Serviço da parte de responsabilidade do Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) ”, declarou o governador do Estado, Renato Casagrande, em transmissão ao vivo em sua rede social.

Para manter a fluidez do trânsito, parte das intervenções será executada durante a noite - condição já prevista em contrato, de acordo com o governador. "Não teremos interrupção no trânsito nesse primeiro momento. Poderemos ter alguma interrupção no momento final, na pavimentação asfáltica. No começo de setembro começa a movimentação de trabalhadores", ressaltou Casagrande.

A parte em obras se estenderá por aproximadamente 1,5 quilômetros. O projeto prevê serviços de recuperação e proteção das estruturas, remoção e instalação de guarda-corpo, substituição do revestimento asfáltico existente, novas sinalizações (horizontal e vertical), juntas de dilatação, recuperação, readequação dos dispositivos de drenagem existentes e remanejamento de postes de iluminação pública.

“O DER-ES fez uma profunda análise da estrutura do Viaduto do Príncipe, que nos apontou quais seriam as intervenções necessárias. Vamos trabalhar em conjunto com o DNIT, que fará a recuperação da ponte em si”, explicou o diretor-geral do DER-ES, Luiz Cesar Maretto Coura.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.
Topo