Um assessor do PT, nascido no Rio Grande do Sul, e lotado em Brasília voltou a ganhar na Mega-Sena.
O gaúcho, que não quis se identificar para não expor a família, havia dividido o prêmio de mais de R$ 120 milhões com 49 colegas, em 18 de setembro. Desta vez, o apostador acertou a quadra e levou mais R$ 523,97 no concurso de 28 de setembro.
"Investi uma parte em gado para engorda e a maioria apliquei, para dar tempo para avaliar novos investimentos", disse ao G1.
A curiosidade é que, em ambos os concursos, a dezena "13" não figurou entre as sorteadas. No concurso 2189, os 49 integrantes do bolão que envolvia partidários do PT acertaram as dezenas 04, 11, 16, 22, 29 e 33.
Na semana seguinte, no concurso 2193, o assessor gaúcho acertou quatro das seis dezenas sorteadas: 07 , 08, 22, 27, 29 e 42.
"Não tem padrão. Vai dos números escolhidos, até a surpresinha", contou.
"Além de assessor, sou militante de esquerda. Reservei parte dos recursos para ajudar pessoas que convivem conosco na Liderança, como faxineiras, copeiras e etc, colegas que não jogaram e estão em dificuldade, para o acampamento Lula Livre e para militância", disse.
Apostador há 20 anos, afirmou que já ganhou oito vezes na quadra. "Que para mim é insignificante", contou.
"Tenho as máximas: alguém vai ganhar e só ganha, quem joga. Tem que chamar. Eu ainda vou ganhar um prêmio superior a R$ 10 milhões. Eu não vou ficar para apagar a luz. Entro em todos os bolões, para amanhã já estou em seis. Dinheiro chama, dinheiro. Gosto de jogar em regiões ricas e em toda as cidade que viajo".
"Os mais de R$10 milhões estão me chamando", garantiu.

Fonte: G1

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.
Topo