Featured Posts

Maioria dos casos de câncer de pulmão é causada pelo cigarro

Nesta segunda-feira (27), a apresentadora Ana Maria Braga revelou que foi diagnosticada com câncer de pulmão agressivo, do tipo adenocarcinoma que, em 90% dos casos, está ligado ao tabagismo.
A oncologista da Unimed Vitória Caroline Secatto Tres explica que os cânceres de pulmão estão entre os mais comuns no mundo todo. A cada ano, no Brasil, são cerca de 31 mil novos casos.
"O fumo é um fator de risco importante. É fundamental alertar as pessoas. O adenocarcinoma também pode acontecer em não-fumantes, mas está bastante associado ao tabagismo", destacou a médica. 
Os produtos químicos utilizados na fabricação do cigarro acarretam alterações nas células. "Quanto mais tempo a pessoa fumar, maior a chance de desenvolver a doença", afirma Caroline.
A especialista explica que o tratamento depende de vários aspectos e já evoluiu bastante. Entre as opções, estão cirurgia, radioterapia, terapia alvo, imunoterapia, quimioterapia (esses dois últimos serão aplicados na apresentadora).
"A doença continua grave, mas já houve avanços importantes no tratamento do câncer de pulmão", diz a oncologista.
O problema é mais comum após os 60 anos e os adenocarcinomas representam cerca de 40% dos cânceres de pulmão de não-pequenas células, que também são maioria nos registros de casos. "Alguns pacientes respondem muito bem à quimioterapia complementada com imunoterapia", afirmou.


--

Postar um comentário

0 Comentários