Com informações de Vando de Souza - Correspondente em Aracruz 

A Polícia Civil, através da Delegacia Especializada em Crimes e Investigações Criminais (DEIC) efetuou a prisão de A.V.S.J. e de A.S.C, de 25 anos nesta terça-feira (12), em Aracruz, no Norte do Estado. 

Em cumprimento a mandado de prisão expedido pelo Juízo da 1ª Vara Criminal de Aracruz, após representação policial, a equipe de investigadores da DEIC/Aracruz, com apoio da equipe de investigações da DHPP/Aracruz e da CORE, diligenciou até o Município de Vitória, no Bairro Bela Vista, e efetuou a prisão de A.V.S.J. de 21 anos e A. S. C, de 25 anos. 

"Ambos são suspeitos de terem praticado roubos majorados pelo emprego de arma de fogo em bares de Aracruz e respondem a três inquéritos policiais junto a esta unidade especializada", relata o Delegado Titular da DEIC/DIPO, Rodrigo Peçanha.

Ele conta que, os indivíduos abordavam clientes de bares e os obrigavam a entregar seus objetos pessoais, tais como cordões, relógios, anéis, telefones celulares etc. "No dia 11/12/19 os indivíduos roubaram os clientes do Bar do Jair e no dia 12/12/19 os clientes do bar do Piri. Na fuga deste segundo roubo eles sequestraram um casal que estava no bairro Cohab II e os obrigaram a lhes levar até o Município de Vitória, além de subtrair os telefones das vítimas", informa Rodrigo Peçanha. 

Durante as prisões foram localizados em poder dos suspeitos os telefones celulares de duas vítimas. "É provável que os presos também tenham cometido outros roubos, através do mesmo modus operandi, nos Municípios de Ibiraçu, João Neiva e Fundão", finaliza o Delegado Titular da DEIC/DIPO.


--