Fogos de artifício com som são prejudiciais aos idosos, crianças, pessoas autistas e
também para animais de variadas espécies. Foto: Pixabay.
O prefeito da Serra, Audifax Barcelos, sancionou lei que pune com multa de até R$ 2 mil para quem soltar fogos barulhentos no município e quem os transportar, armazenar, comercializar e manusear. Outras punições incluem apreensão do material e interdição do imóvel.

Pela lei nº 5.151, que já está em vigor, são considerados fogos e artefatos pirotécnicos: os fogos de vista com estampido; os fogos de estampido; os foguetes, com ou sem flecha, de apito ou de lágrimas, com bomba; as baterias; os morteiros com tubos de ferro; os rojões e os demais fogos de artifício que contenha mais de 25 centigramas de pólvora por peça.

O próprio Prefeito Audifax fez publicação em sua página nas redes sociais.

Por outro lado, estão liberados os seguintes itens: fogos de vista, sem estampido; balões pirotécnicos; fogos de estampido que contenham até 25 centigramas de pólvora por peça; foguetes com ou sem flecha, de apito ou de lágrimas, sem bomba. A regulamentação da nova lei será publicada em até 60 dias.

O que o povo diz?

Acho que a lei chegou em boa hora, já que não apenas os cães mas também, idosos, crianças e pessoas autistas sofrem demais com o barulho provocado pelos fogos. Acho que foi assertivo da parte da gestão. Nancy Ibañez, Profissional de Educação Física.
Nas redes várias demonstrações de apoio e também chamando a atenção da população para que ajudem a fiscalizar.