Featured Posts

Coronavírus: Ao menos 2 mil servidores do Estado vão trabalhar de casa

Entre as medidas anunciadas pelo governador Renato Casagrande nesta terça-feira (17) para conter o coronavírus no Espírito Santo, está o afastamento do local de trabalho de pelo menos 2 mil servidores.
Segundo o governador Renato Casagrande, os colaboradores que estão no grupo de risco, incluindo pessoas com mais de 60 anos, gestantes, lactantes, portadores de doenças crônicas, respiratórias ou comprometedoras de imunidade (desde que seja comprovada por laudo médico), deverão trabalhar de casa.
De acordo com o governador, as secretarias vão fazer essa divisão do trabalho. "Que cada gestor possa dar um tratamento diferenciado a essas pessoas e procure o teletrabalho, uma área de proteção, e que sejam definidas tarefas fora do contato com outros servidores", disse.
Ainda de acordo com o governador, as medidas tomadas nesta terça-feira (17) valem por até 30 dias. 
Coronavírus no ES
Subiu para 341 o número de casos notificados com suspeita do novo coronavírus no Espírito Santo. A atualização foi divulgada na tarde desta terça-feira (17), pela Secretária Estadual de Saúde (Sesa). O número de casos confirmados continua o mesmo, oito. De acordo com o boletim, no total, 436 casos foram notificados e 87 descartados.

Postar um comentário

0 Comentários